Notícias

A CONVITE DO SENADOR ZEQUINHA MARINHO, MINISTRO PAZUELLO VIRÁ A SANTARÉM PARA DEFINIR ESTRATÉGIAS CONTRA COVID-19 NO OESTE PARAENSE

O ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, estará amanhã (18) em Santarém, onde irá reunir com os prefeitos da região para discutir uma estratégia de combate ao avanço da Covid-19 no oeste do Pará. O convite para se reunir presencialmente com os gestores municipais partiu do senador Zequinha Marinho que, na última semana, em sessão temática realizada no Senado, solicitou atenção especial do Ministério para a situação do oeste paraense. Os municípios dessa região estão em lockdown desde o início do mês de fevereiro, em cumprimento ao decreto estadual 800/2020, que alterou o bandeiramento de vermelho para preto indicando zona de contaminação aguda, com medidas ainda mais restritivas.

Para o senador Zequinha, é preciso que o Ministério da Saúde garanta um reforço e que aumente a quantidade de vacinas repassadas ao estado. “Encaminhamos ofício e chegamos a nos reunir com o secretário executivo e com o coordenador logístico do Plano de Vacinação do ministério. É urgente uma atenção mais direta para a região oeste como forma de evitar que se repita aqui o que estamos vendo no Amazonas”, defendeu Zequinha.
Ao ser questionado pelos senadores da bancada do Pará, o ministro Pazuello comentou que a mutação do vírus que foi identificada primeiramente no Amazonas “já está nos estados do Amapá e do Pará, e a cidade de Belém segue o caminho do ano passado”, relatou ao considerar que a situação da capital paraense tende a se agravar.

“Se existe esse alerta por parte do ministério, devemos buscar as soluções viáveis para evitar que isso ocorra. A vacina, por exemplo, precisa avançar, imunizado um número maior de cidadãos paraenses”, comentou o senador Zequinha que disse que na reunião desta quinta-feira, irá cobrar ao ministro um repasse maior de vacinas ao estado.

Apesar de ser o 9° estado mais populoso do país, com 8.690.745 habitantes, o Pará tem sido o estado que menos tem recebido, em termos proporcionais, doses de vacina contra a Covid-19. As 315.840 doses encaminhadas pelo Ministério da Saúde até o momento são suficientes para imunizar apenas 2.10% da população paraense.

Fonte: zequinhamarinho

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo