Notícias

Com Covid-19, morre o senador Major Olimpio

Informação foi divulgada há pouco pela assessoria do parlamentar

Com Covid-19, morreu nesta quinta-feira, 18, o senador Major Olimpio (PSL-SP), aos 58 anos. Ele estava internado no hospital São Camilo, em São Paulo. A informação foi divulgada pela assessoria de imprensa do parlamentar. “Com muita dor no coração, comunicamos a morte cerebral do grande pai, irmão e amigo, Senador Major Olimpio. Por lei a família terá que aguardar 12 horas para confirmação do óbito e está verificando quais órgãos serão doados. Obrigado por tudo que fez por nós, pelo nosso Brasil”, diz o texto. Major Olimpio é o terceiro senador vítima da Covid-19. Arolde de Oliveira (PSD-RJ), aos 83 anos, em outubro de 2020, e José Maranhão (MDB-PB), aos 87, em fevereiro deste ano.

Olimpio foi diagnosticado com o novo coronavírus na terça-feira, 2. No dia seguinte, participou remotamente da sessão do Senado em um leito hospitalar. O líder do PSL no Senado foi intubado pela primeira vez no sábado, 6. Com a melhora no quadro de saúde, foi extubado na terça-feira, 9. Com a piora, voltou a ser intubado na quarta-feira, 10. Desde então, segundo relatou à Jovem Pan uma pessoa próxima ao senador, seu quadro de saúde não apresentou evolução.

O ex-presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), lamentou a morte. “Político combativo, lutou contra a Covid até o último suspiro. Foi deputado estadual por dois mandatos, deputado federal e representava o estado de São Paulo no Senado Federal. Honesto e firme, Olímpio tinha sonhos e bandeiras. Um homem de convicções fortes e de bom coração. Perde a política brasileira e todos nós, que ficamos mais pobres e mais tristes”, disse em nota. Governador de São Paulo, João Doria (PSDB) foi ao Twitter desejar solidariedade à família do parlamentar. “Minha solidariedade à família e amigos do Senador Major Olímpio. Infelizmente mais uma vítima da Covid-19”, escreveu o tucano, um dos principais adversários políticos do senador.

O presidente Jair Bolsonaro cancelou a visita que faria ao Congresso Nacional para uma solenidade ao lado do presidente do Senado, Rodrigo Pacheco. O anúncio foi feito minutos após o anúncio da morte de Olimpio. Em nota, o Congresso Nacional decretou luto oficial de 24 horas pelo ocorrido.

Fonte: jovempan.com.br

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo