Notícias

Gás de cozinha fica mais caro a partir de hoje após reajuste de 5% da Petrobras

Com o aumento, o quilo passará a ser vendido a R$ 3,21 e o botijão de 13 kg deverá custar em média R$ 41,68

A partir de desta sexta-feira, 2, a população vai pagar mais caro no gás de cozinha. Isso porque a Petrobras vai aumentar o preço médio de venda do gás liquefeito de petróleo (GLP) em 5% para as distribuidoras.

Com o reajuste, o quilo do gás produzido nas refinarias da Petrobras vai ficar, em média, R$ 0,15 mais caro. Portando, o quilo passará a ser vendido a R$ 3,21 e o botijão de 13 kg deverá custar R$ 41,68.

De acordo com a empresa, a alta reflete as movimentações da cotação internacional do petróleo, utilizado como insumo na produção do produto, além do câmbio.

Este é o quarto reajuste do ano. Em 2021, o número de reajuste e os percentuais de alta têm sido menores do que os praticados no comércio de gasolina e óleo diesel. O último reajuste realizado pela Petrobras foi em 1º de março, o que deixou o preço do botijão de gás de cozinha praticamente estável em R$ 83,25, frente à média de R$ 83,18 uma semana antes.

Fonte: extra.globo.com

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo