Notícias

Pela primeira vez, PA-220 recebe asfalto e sinalização para integrar municípios do nordeste paraense

Governador Helder Barbalho entregou os 22 km iniciais da rodovia e pedalou ao lado dos moradores da Vila Maú

“Um sonho de integração regional”, como definiu o governador Helder Barbalho, já está sendo concretizado pelo governo do Estado para as populações de Curuçá, Marapanim, Maracanã e outros municípios da região Nordeste. Uma estrada de terra batida, com os problemas de lama e poeira recorrentes nas duas estações amazônicas, agora dispõe de asfalto em 22 quilômetros totalmente pavimentados e sinalizados. Helder Barbalho foi nesta quinta-feira (14) à Vila Maú, em Marapanim, entregar o primeiro trecho da Rodovia PA-220, a Transmaú, construído e asfaltado, que vai de Vila Maú ao entroncamento com a PA-136, em Curuçá. Ao lado de muito moradores, o governador pedalou por oito quilômetros pela nova via.

Governador Helder Barbalho. ao lado de moradores de Marapanim, percorreu de bicicleta oito quilômetros da nova estrada – Foto: Paulo Cezar / Ag. Pará

O primeiro trecho da rodovia recebeu instalação de rede de drenagem de águas pluviais, construção de base e sub-base, acostamento, asfaltamento e sinalização horizontal e vertical.

Para o governador, a obra executada pela Secretaria de Estado de Transportes (Setran), “representa um sonho de integração regional nos municípios de Curuçá, Marapanim e Maracanã, e também Igarapé-Açu e toda esta região da água boa. Faz com que essa estrada seja a principal alternativa para as pessoas trafegarem e para o escoamento da produção. Eu fico muito feliz de estarmos hoje realizando este sonho, entregando esta pavimentação, que significa desenvolver essa região, significa a autoestima para as pessoas, o olhar pelas famílias do interior. Onde estiver um paraense, que a gente possa chegar lá com obras, serviços e benefícios”.

Foto: Augusto Miranda / Ag. Pará

Obra histórica – O titular da Setran, Adler Silveira, disse que a pavimentação da PA-220 é uma obra histórica, uma demanda de muito tempo da população dos municípios de Marapanim e Curuçá, principalmente das vilas Maú, Silva, da Cristolândia e de todos os núcleos populacionais ao longo da PA-220. “É uma obra que vem transformar a realidade da população que vive no leito dessa rodovia. Uma obra de 42 km. Estamos entregando hoje os primeiros 22 km dessa obra estrategicamente dividida entre duas empresas, para que pudéssemos dar a celeridade necessária e entregar esse benefício para a população o mais rápido possível. É um investimento do governo do Estado de mais de R$ 38 milhões, que vai, com certeza, fazer a diferença na vida da população”, afirmou o secretário.

Ainda na PA-220, a Setran está construindo uma ponte de concreto armado sobre o Rio Marapanim, na Vila Cristolândia, com 70 metros de extensão, no trecho até a PA-395. O Estado investe mais de R$ 2 milhões na obra, iniciada em dezembro de 2021.

A Rodovia PA-220 é conhecida como Transmaú porque liga Curuçá à Vila Maú, em Marapanim, e também dá acesso aos municípios de Magalhães Barata, Igarapé-Açu e Maracanã, todos no nordeste do Estado.

Moradores usufruem da segurança e comodidade de uma estrada pavimentada e sinalizada – Foto: David Alves / Ag Pará

Economia – O contador Harley Borges, que nasceu em Marapanim, disse que foi pedalar na da rodovia durante o ato de entrega porque é um momento histórico para quem vive na região. “Essa rodovia há tempos que não tinha atenção de governos anteriores. Agora tá tendo. É um prazer pedalar na rodovia, que tá linda!”, afirmou o morador.

A autônoma Ediane Silva, moradora de Curuçá, destacou que o asfalto permitiu que ela se tornasse empreendedora, justamente quando estava desempregada. “Antes, a gente tinha dificuldade até mesmo pra montar nosso próprio negócio, e agora, com o asfaltamento, tudo isso tá acontecendo de bom. Na verdade, isso era um sonho pra todos nós”, afirmou.

Compromisso cumprido – Para o prefeito de Marapanim, Anderson Silva, a chegada do asfalto à PA-220 tem impacto direto na qualidade de vida do povo da região. “Essa estrada representa turismo, economia, agricultura e, sobretudo, o sonho que vossa excelência (governador) realizou pra nós”, enfatizou o gestor municipal.

O prefeito de Curuçá, Jefferson Miranda (Tarrafa), lembrou que a obra acabou com mais de 50 anos de espera. “Nós sabemos que várias publicações colocam que é obrigação do político fazer, mas todos que passaram tiveram a mesma obrigação que o senhor (dirigindo-se a Helder Barbalho), e não fizeram. Mas o senhor fez”, ressaltou.

O segundo trecho da PA-220, já em construção, totaliza 20 quilômetros, desde o KM-22 da rodovia até o entroncamento com a PA-395. A obra foi iniciada em outubro de 2021. O trecho, que também recebe sistema de drenagem de águas pluviais, construção de base e sub-base, acostamento e asfaltamento, está com quase dois quilômetros concluídos.

Fonte: Agência Pará / Por Kátia Aguiar (SETRAN)

Pará News

PARÁ NEWS®️, é um jornal online que cobre 24 horas notícias do estado e região.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo